Bauer garante novo patrocínio da Escola Bolshoi

Brasília/DF, 20/03/2018 – A Caixa Econômica Federal renovou, nesta terça-feira, o patrocínio da Escola do Teatro Bolshoi, que está instalada em Joinville (SC) e é a única fora da Rússia. O contrato foi assinado na sede do banco, em Brasília (DF), com a presença do senador Paulo Bauer (PSDB/SC), que intermediou a renovação. O valor para 2018 é de R$ 750 mil, um crescimento de 50% em relação ao ano anterior.

A  cerimônia foi realizada na sede do banco e teve a participação do presidente da instituição, Gilberto Magalhães Occhi, do diretor de Marketing, Gerson Bordignon, do presidente da Escola do Teatro Bolshoi no Brasil, Valdir Steglich, entre outras autoridades.

“Quero agradecer ao presidente da Caixa e à diretoria do banco por renovarem o patrocínio para o Bolshoi de Joinville. Quero agradecer também a todos os diretores da escola por fazer um trabalho voluntário maravilhoso, de amor à arte e à cultura e um grande trabalho social. Quem conhece a escola Bolshoi e vê o processo de seleção, de educação e de formação profissional não pode deixar de aplaudir essa iniciativa e apoiá-la”, ressaltou Bauer na cerimônia.

A renovação do patrocínio da Caixa com o Bolshoi é resultado da mobilização feita pelo parlamentar catarinense junto ao governo federal.

“Este ano, quando tivemos notícia de que a Caixa poderia fazer cortes nos patrocínios, entramos em ação. No caso do Bolshoi, não houve cortes, pelo contrário, houve avanços. Fico muito grato ao governo federal”, destacou o senador.                                                                        

Durante a assinatura do contrato, o senador Paulo Bauer recebeu uma homenagem da direção da escola.

“Seu amor e dedicação pelo seu trabalho é um incentivo para todos da Família Bolshoi. Muito obrigado”, diz cartão anexado a uma lembrança entregue pela direção da escola.

Instalada na cidade de Joinville desde 15 de março de 2000, a Escola do Teatro Bolshoi no Brasil, única filial do Teatro Bolshoi de Moscou no mundo, tem transformado vidas de crianças e jovens. A sua missão é formar artistas cidadãos. Seus alunos, vindos de vários cantos do país e do exterior, em sua maioria provenientes dos extratos menos favorecidos da sociedade, recebem 100% de bolsa de estudo e benefícios que garantem uma formação de excelência, e proporcionam um futuro mais digno.

O Bolshoi Brasil é um grande celeiro de talentos, 72% dos bailarinos formados atuam no mercado mundial da dança. A Escola Bolshoi é uma instituição privada, sem fins lucrativos, que recebe apoio do Governo e dos Amigos do Bolshoi, empresas e pessoas físicas socialmente responsáveis e comprometidas com a causa, que apoiam a instituição por meio de serviços prestados pro bono e aportes financeiros, com ou sem incentivos fiscais.

Bolshoi em números

1 – A Escola Bolshoi tem alunos de 22 Estados Brasileiros e 3 países

2 – É um ícone do turismo na Cidade de Joinville e no Estado de Santa Catarina

3 – 100% dos alunos são bolsistas – ninguém paga nada para estudar

4 – 19% dos alunos tem renda familiar de até 2 salários-mínimos

5 – 321 alunos formados (230 empregados na área da dança)

6 – Catarinenses que levam o nome do nosso Estado estão atuando em países como África do Sul, Alemanha, Estados Unidos, Rússia, Áustria e no Brasil.

(Fabrício Zago, da Assessoria de Comunicação)