• Nova diretoria da Rede Feminina é empossada

    O senador Paulo Bauer (PSDB/SC) prestigiou, na manhã desta terça-feira, em Jaraguá do Sul, a posse da nova diretoria executiva da Rede Feminina de Combate ao Câncer.

    Foto: Alessandro Bonassoli
  • Crise dos caminhoneiros é culpa do governo

    O senador Paulo Bauer criticou a ineficiência do governo federal na condução da crise gerada pelos protestos dos caminheiros em todo o Brasil.

    Foto: Gerdan Wesley
  • PSDB não se submete ao controle do governo

    O senador Paulo Bauer (PSDB/SC) retirou seu nome da disputa para a eleição da Mesa Diretora do Senado.

    Foto: Gerdan Wesley

Fiscalizar e cobrar o governo federal

Brasília/DF, 04/03/2015 – Fiscalizar e cobrar atos do governo federal serão a base da atuação do senador Paulo Bauer (PSDB/SC) nas comissões de Relações Exteriores e Infraestrutura, para as quais foi indicado como membro titular. Em discurso no Plenário, o parlamentar afirmou que há muito a ser feito nos dois setores.

Para ele, a Comissão de Relações Exteriores é de extrema importância para o Brasil, pois trata de assuntos não só de diplomacia mas, também, de caráter econômico. O senador citou como exemplo o caso do Mercosul, ao qual o país precisa se submeter às regras de funcionamento do bloco econômico. Lamentavelmente, a economia brasileira não consegue avançar nos mercados internacionais e nem aumentar o número de novas relações comerciais. Precisa respeitar os demais parceiros e deles ter o mesmo respeito.

“Mas sabemos que as crises que vivem, por exemplo, a Argentina, impedem o Brasil de avançar no mercado externo, de exportar mais. Por isso vai ser de grande importância a ação que vamos desenvolver na Comissão de Relações Exteriores. Temos que manter boas relações com os vizinhos, mas o Brasil não pode deixar de expandir suas fronteiras comerciais”, avaliou.

Bauer destaca ainda as questões relativas aos negócios que a Petrobras desenvolveu no mundo e que ainda não foram totalmente esclarecidas e os financiamentos do BNDES feitos em outros países com dinheiro brasileiro.

“São assuntos que precisamos entender, pois isso é uma caixa preta que o governo não quer abrir e não quer colocar ao conhecimento público. Queremos entender porquê o governo federal faz tantas coisas para outros países e deixa de fazer para o nosso”, argumentou o senador.

Ao comentar sua presença como titular da Comissão de Infraestrutura, o parlamentar catarinense citou que esta é outra temática de grande relevância para o país e para Santa Catarina. Bauer vai cobrar explicações ainda com mais rigor sobre os atrasos nas obras federais no Estado, algo que ele considera lamentável e triste.

 

A paralisação da duplicação da rodovia BR-280, entre Jaraguá do Sul e São Francisco do Sul,  com cerca de 70 quilômetros, cujo projeto foi autorizado no final do governo Fernando Henrique e nada foi realizado durante os oito anos do governo Lula. Na atual gestão, três licitações foram feitas e anunciadas, com máquinas que só começaram a ser ligadas às vésperas da eleição de 2014.

“Mas vi na manhã da última terça-feira que não há mais máquina alguma lá, nem placas. O mesmo acontece com a BR-470, entre Navegantes e Blumenau, onde, no ano passado, próximo do primeiro turno, o governo mandou máquinas, mas parou tudo também”, reclamou o senador.

(A situação é mesma na ampliação do Aeroporto Internacional Hercílio Luz, em Florianópolis e na transposição ferroviária de Joinville, cujas obras não acontecem. O fato se repete nas rodovias BR-282 e 470.

“Infraestrutura neste Brasil é igual à zero. Zero de prioridade, zero de investimento, zero de execução, zero de competência, zero de responsabilidade. Nota zero para o governo”, concluiu Bauer.

(Alessandro Bonassoli, da Assessoria de Comunicação)

Nova diretoria da Rede Feminina é empossada

Jaraguá do Sul/SC, 03/03/2015 – O senador Paulo Bauer (PSDB/SC) prestigiou, na manhã desta terça-feira, a posse da nova diretoria executiva e dos novos conselhos fiscal e consultivo da Rede Feminina de Combate ao Câncer, em Jaraguá do Sul. A equipe, que será liderada pela presidente Yeda Marilu Bauer Conti, vai gerenciar as ações da entidade no próximo biênio.

Crise dos caminhoneiros é culpa do governo

Brasília/DF, 25/02/2015 – O senador Paulo Bauer (PSDB/SC) criticou a ineficiência do governo federal na condução da crise gerada pelos protestos dos caminheiros em todo o Brasil. Para ele, sem diálogo, o problema tende a se agravar, prejudicando cada vez mais os produtores rurais, os condutores de carga e toda a população brasileira.

“O advogado do diabo”, análise do ITV

Brasília/DF, 19/02/2015 – Já há algum tempo José Eduardo Cardozo tem se notabilizado menos pelo cargo que ocupa há mais de quatro anos no governo federal e mais por sua postura como militante partidário. O ministro da Justiça mais parece o advogado do PT.

Bauer é 1o. vice-líder da bancada

Brasília/DF, 12/02/2015 – O senador Paulo Bauer (PSDB/SC)  foi confirmado como primeiro vice-líder do partido no Senado da República. A função dá ao parlamentar catarinense a oportunidade de, na ausência do líder, atuar diretamente nas decisões da sigla dentro do Plenário e no Colégio de Líderes.

Governo prejudica micros e pequenas empresas

Joinville/SC, 06/02/2015 – O senador Paulo Bauer (PSDB/SC) criticou as medidas que o governo federal tem tomado em detrimento de empresas e trabalhadores. Durante a posse da nova diretoria da Associação de Joinville e Região da Pequena e Micro Empresa (Ajorpeme), na noite desta sexta-feira, o parlamentar lamentou que o momento da economia nacional não seja “nada festivo”.

Artigo Paulo Bauer: Direitos do Empregador

Florianópolis – 06/02/2015 – Há exatamente uma semana, o Governo Federal abriu um novo “saco de maldades”, que chamou de “Minirreforma Previdenciária”. Contrariando seu discurso de campanha, restringiu direitos do trabalhador, como na concessão do seguro-desemprego, da pensão por morte e do seguro-defeso.

PSDB não se submete ao controle do governo

Brasília/DF, 04/02/2015 – O senador Paulo Bauer (PSDB/SC) retirou seu nome da disputa para a eleição da Mesa Diretora do Senado. Em função do desrespeito à proporcionalidade e a tentativa da bancada governista em manter a oposição, pela primeira vez na história do Brasil, fora da Mesa, o parlamentar catarinense, apoiado pela bancada do PSDB, retirou-se do Plenário. Confira a íntegra do discurso do senador Paulo Bauer (PSDB/SC) sobre a eleição para a Mesa Diretora do Senado.

Uma cunha no poder do PT: análise do ITV

Brasília/DF, 02/02/2015 – A vitória de Eduardo Cunha na disputa pela presidência da Câmara dos Deputados é mais um fator de instabilidade para o governo Dilma Rousseff. Não bastassem as ameaças que vêm da economia em recessão e dos temores das investigações na Justiça sobre o petrolão, falta-lhe também sólido apoio político no Congresso.

Um ano para agradecer pelo dom da vida

Florianópolis – Este ano está se despedindo e deixando saudades. Tenho certeza que se você observar atentamente tudo que passou no decorrer deste ano, terás muito a agradecer. Pegue todas as derrotas e transforme-as em pequenas batalhas que no confronto com a vida, você deixou de vencer, mas que certamente, a guerra já está ganha, visto que chegou até aqui e está apta a receber um novo ano com seus desafios e incógnitas, e viver muito cada segundo desta esplêndida jornada, que Deus está a lhe proporcionar com novas esperanças.

Ver todas as notícias

FACEBOOK
Twitter